Tu Mirada Me Hace Grande - Maldita Nerea (Tradução da letra)

Your browser does not support video.

ESPANHOL PORTUGUÊS
Como un salto en el vacío Como um salto no vazio
De quien no teme a la muerte De quem não teme à morte
Otra noche en el hastío Outra noite de tédio
De no poder entenderte De não poder te compreender
   
Y no sabes lo que has sido E você não sabe o que foi
Porque nunca es suficiente Porque nunca é o bastante
Demasiado desafío Muito desafio
Yo no puedo ser tan fuerte Eu já não consigo ser tão forte
   
Si quisieras confiar en mí Se você quiser confiar em mim
Nunca es tarde, tarde, tarde Nunca é tarde, tarde, tarde
Necesito verte aquí Eu preciso te ver aqui
   
Tu mirada me hace grande Teu olhar me torna maior
Y que estemos los dos solos E que estejamos os dois sozinhos
Dando tumbos por Madrid y sin nada que decir Tropeçando por Madrid, sem nada a dizer
Porque nada es importante Porque nada é importante
Cuando hacemos los recuerdos Quando fazemos as recordações
Por las calles de Madrid (2x) Pelas ruas de Madrid (2x)
   
Demasiado inmerecido Muito imerecido
Un silencio como este Um silêncio como este
Objetivo conseguido Objetivo alcançado
No pudo faltar más suerte Mais sorte não poderia faltar
   
Todo un mundo anclado ha sido Todo um mundo foi ancorado
Todo un mar para perderte Um oceano inteiro para te perder
Todo el tiempo que se ha ido Todo o tempo que passou
Todo el tiempo estando ausente Todo o tempo estando ausente
   
Si quisieras confiar en mí Se você quiser confiar em mim
Nunca es tarde, tarde, tarde Nunca é tarde, tarde, tarde
Necesito verte aquí Eu preciso te ver aqui
   
Tu mirada me hace grande Teu olhar me torna maior
Y que estemos los dos solos dando tumbos por Madrid E que estejamos os dois sozinhos, tropeçando por Madrid
Y sin nada que decir Sem nada a dizer
Porque nada es importante cuando hacemos Porque nada é importante quando fazemos
Los recuerdos por las calles de Madrid As lembranças pelas ruas de Madrid
   
Como un salto en el vacío Como um salto no vazio
De quien no teme a la muerte De quem não teme à morte
Otra noche en el hastío Outra noite de tédio
De no poder entenderte De não poder te compreender
   
Ya no quieras confiar en mí Já não queira confiar em mim
Nunca es tarde, tarde, tarde Nunca é tarde, tarde, tarde
Necesito verte aquí Eu preciso te ver aqui
   
Tu mirada me hace grande Teu olhar me torna maior
Y que estemos los dos solos dando tumbos por Madrid E que estejamos os dois sozinhos, tropeçando por Madrid
Y sin nada que decir Sem nada a dizer
Porque nada es importante cuando hacemos Porque nada é importante quando fazemos
Los recuerdos por las calles de Madrid As lembranças pelas ruas de Madrid
Necesito verte aquí Eu preciso te ver aqui
Y sin nada que decir Sem nada a dizer
Porque nada es importante cuando hacemos Porque nada é importante quando fazemos
Los recuerdos por las calles de Madrid As lembranças pelas ruas de Madrid
Por las calles de Madrid. Pelas ruas de Madrid.