Sueños Rotos - La Quinta Estación (Tradução da letra)

Your browser does not support video.

ESPANHOL PORTUGUÊS
Aquella rosa muerta en la calle espera Aquela rosa morta na rua espera
Mensaje tras mensaje preparándose a volar Mensagem trás mensagem preparando-se para voar
   
Porque habías sido tú mi compañera Porque tinhas sido tu minha companheira
Porque ya no eres nada y ahora todo está demás Porque já não és nada e agora tudo está demais
Si no te supe amar no fue por mi Se não soube te amar não foi por mim
No creo en el amor y no es por mí Não acredito no amor e não é por mim
Si no te supe ver y te perdí Se não soube te ver e te perdi
Si cada día que me das te hace sufrir Se cada dia que tu me dás te faz sofrer
No Não
   
Volver a verte otra vez Voltar para te ver outra vez
Con los ojitos empapados del ayer Com os olhinhos cheios de água de ontem
Con la dulzura de un amor que nadie ve Com a doçura de um amor que ninguém vê
Con la promesa de aquel último café Com a promessa daquele último café
Con un montón de sueños rotos Com um montão de sonhos destruídos
Volver a verte otra vez Voltar para te ver outra vez
Volver a verte otra vez Voltar para te ver outra vez
Con un montón de sueños rotos Com um montão de sonhos destruídos
   
Dejé el orgullo atrás por un instante Deixei o orgulho atrás por um instante
Me preparé a estar solo una vez más Me preparei para estar só mais uma vez
Si no te supe amar no fue por ti Se eu não soube te amar não foi por você
No creo en el amor y no es por mi Não acredito no amor e não é por mim
Si no alcance a entender y te perdí Se não consegui entender e te perdi
Si cada día que me das te hace sufrir Se cada dia que me dás te faz sofrer
No Não
   
Volver a verte otra vez Voltar para te ver outra vez
Con los ojitos empapados del ayer Com os olhinhos cheios de água de ontem
Con la dulzura de un amor que nadie ve Com a doçura de um amor que ninguém vê
Con la promesa de aquel último café Com a promessa daquele último café
Con un montón de sueños rotos Com um montão de sonhos destruídos
Volver a verte otra vez Voltar para te ver outra vez
Volver a verte otra vez Voltar para te ver outra vez
Con un montón de sueños rotos Com um montão de sonhos destruídos
   
Volver a verte otra vez Voltar para te ver outra vez
Con los ojitos empapados del ayer Com os olhinhos cheios de água de ontem
Con la dulzura de un amor que nadie ve Com a doçura de um amor que ninguém vê
Con la promesa de aquel último café Com a promessa daquele último café
Con un montón de sueños rotos Com um montão de sonhos destruídos
Volver a verte otra vez Voltar para te ver outra vez
Volver a verte otra vez Voltar para te ver outra vez
Con un montón de sueños rotos. Com um montão de sonhos destruídos.