Muñeca de Trapo - La Oreja De Van Gogh (Tradução da letra)

Your browser does not support video.

ESPANHOL PORTUGUÊS
Como esos cuadros que aún están por colgar Como esses quadros que ainda estão sem pendurar
   
Como el mantel de la cena de ayer Como a toalha de mesa do jantar de ontem
Siempre esperando que te diga algo más Sempre esperando que te diga algo mais
Y mis sentidas palabras no quieren volar E minhas sentimentais palavras não querem voar 
   
Lo nunca dicho se disuelve en té O nunca dito se dissolve em um chá
Como el infiel dice nunca lo haré Como o infiel diz que nunca o farei
Siento que estoy en una cárcel de amor Sinto que estou em uma prisão de amor
Me olvidarás si no firmo mi declaración Você vai me esquecer se não assino minha declaração
   
[Coro] [Refrão]
Me abrazaría al diablo sin dudar Abraçaria o diabo sem duvidar
Por ver tu cara al escucharme hablar Para ver teu rosto ao me escutar falar
Eres todo lo que más quiero Você é tudo o que mais amo
Pero te pierdo en mis silencios Mas te perco em meus silêncios
Mis ojos son dos cruces negras Meus olhos são duas cruzes pretas
Que no han hablado nunca claro Que nunca tem falado claramente
Mi corazón lleno de pena Meu coração está cheio de tristeza
Y yo una muñeca de trapo E eu sou uma boneca de pano
   
Cada silencio es una nube que va Cada silêncio é uma nuvem que vai
Detrás de mí sin parar de llorar Atrás de mim sem parar de chorar
Quiero contarte lo que siento por ti Quero te contar o que sinto por ti
Que me escuche hablar la luna de enero E que me escute falar a lua de janeiro
Mirándote a ti Olhando para ti
   
[Coro] [Refrão]
Me abrazaría al diablo sin dudar Abraçaria o diabo sem duvidar
Por ver tu cara al escucharme hablar Para ver teu rosto ao me escutar falar
Eres todo lo que más quiero Você é tudo o que mais amo
Pero te pierdo en mis silencios Mas te perco em meus silêncios
Mis ojos son dos cruces negras Meus olhos são duas cruzes pretas
Que no han hablado nunca claro Que nunca tem falado claramente
Mi corazón lleno de pena Meu coração está cheio de tristeza
Y yo una muñeca de trapo E eu sou uma boneca de pano
   
No tengo miedo al fuego eterno Não tenho medo do fogo eterno
Tampoco a sus cuentos amargos E menos ainda a suas histórias tristes
Pero el silencio es algo frío Mas o silêncio é uma coisa fria
Y mis inviernos son muy largos E meus invernos são muito longos
Y a tu regreso estaré lejos E quando você volte estarei longe
Entre los versos de algún tango Entre os versos de algum tango
Porque este corazón sincero Porque este coração sincero
Murió en su muñeca de trapo. Morreu na sua boneca de pano.