Esta Ausencia - David Bisbal (Tradução da letra)

Your browser does not support video.

ESPANHOL PORTUGUÊS
Despertar en el frío abismo de tu ausencia Acordar no frio abismo da sua ausencia
Es rogar por las horas perdidas en mi habitación É rogar pelas horas perdidas no meu quarto
Recordar cada lágrima que fue tan nuestra Lembrar cada lágrima que foi tão nossa
Me desangra el alma, me desangra el alma Me dessangra a alma, me dessangra a alma
   
Desandar el sendero que escribimos juntos Desandar o caminho que escrevemos juntos
Es tocar un silencio profundo en el corazón É tocar um silêncio profundo no meu coração
Escapar por las brechas de un amor profundo Escapar pelas brechas de um amor profundo
Es mentir de nuevo É mentir de novo
Por negar tu ausencia Por negar sua ausência
   
Esta ausencia tan grande, tan dura, tan honda Essa ausência tão grande, tão dura e tão profunda
Que quiebra en pedazos mi razón Que quebra em pedaços minha razão
Esta ausencia desnuda de dudas y sombras Essa ausencia nua de dúvidas e sombras
Me clava tu amor Me crava seu amor
Esta ausencia que duele en el fondo del alma Essa ausência que dói no profundo da alma
Que quema por dentro mi sueño y mi calma Que queima por dentro meu sonho e minha calma
   
Esta ausencia de hielo, de piedra y silencio Essa ausência de gelo, de pedra e silêncio
Que corta las horas sin piedad Que corta as horas sem piedade
Esta ausencia infinita de noches y días Essa ausência infinita de noites e dias
No tiene final Não tem final
   
Fue tan fácil decir que el adiós sanaría Foi tão fácil dizer que um adeus curaria
Las espinas clavadas en tu alma y la mía As espinhas cravadas na sua alma e na minha
Esta ausencia me grita Essa ausência me grita
Que se acaba la vida Que se acaba a vida
Porque no volverás, volverás Porque não voltará, voltará
   
Ya lo ves Você já vê
Tu partida no condujo a nada Sua partida não conduziu a nada
Porque nada es el tiempo a la sombra de mi soledad Porque nada é o tempo à sombra da minha solidão
Ya lo ves Você já vê
Derrotado y sin hallar la calma Derrotado e sem encontrar a calma
Que daría por verte Que daria por ver-lhe
Y olvidarlo todo E esquecer tudo
   
Esta ausencia tan grande, tan dura, tan honda Essa ausência tão grande , tão dura , tão profunda
Que quiebra en pedazos mi razón Que quebra em pedaços minha razão
Esta ausencia desnuda de dudas y sombras Essa ausência nua de dúvidas e sombras
Me clava tu amor Me crava seu amor
Esta ausencia que duele en el fondo del alma Essa ausência que dói no profundo da alma
Que quema por dentro mi sueño y mi calma Que queima por dentro meu sonho e minha calma
Esta ausencia me grita Essa ausência me grita
Que se acaba la vida Que se acaba a vida
Porque no volverás Porque não voltará
   
Y me desangra tu partida Me dessangra a sua partida
Y tu recuerdo hace temblar mi corazón E as lembranças fazem tremer meu coração
Cómo olvidarte si no quiero Como esquecer-lhe se não quero?
Pois Dios amor sin ti yo muero Por Deus amor sem você eu morro
   
Esta ausencia de hielo, de piedra y silencio Essa ausência de gelo, de pedra e silêncio
Que corta las horas sin piedad Que corta as horas sem piedade
Esta ausencia infinita de noches y días Essa ausência infinita de noites e dias
No tiene final Não tem final
   
Fue tan fácil decir que el adiós sanaría Foi tão fácil dizer que um adeus curaria
Las espinas clavadas en tu alma y la mía As espinhas cravadas na sua alma e na minha
Esta ausencia me grita Essa ausência me grita
Que se acaba la vida Que se acaba a vida
Porque no volverás, volverás, volverás... Porque não voltará, volverá, volverá ...