Desnúdate Mujer - David Bisbal (Tradução da letra)

Your browser does not support video.

ESPANHOL PORTUGUÊS
Desnúdate mi amor Desvista-se meu amor
Olvídate de él Esqueça dele
Arde la tentación Arde a tentação
Ven, muérdeme la piel Venha, morda-me a pele
   
Desnúdate mujer Desvista-se mulher
Y desnúdame también E me desvista a mim também
Que nuestros cuerpos hoy Que nossos corpos hoje
Vean amanecer Vejam amanhecer
   
Deja que tu instinto rompa en erupción Deixa que seu instinto rompa em erupção
Yo sé que tú lo deseas  Eu sei que você o deseja
Como lo deseo yo Como o desejo eu
   
Desnúdate mujer Desvista-se mulher
Hoy vas a ser infiel Hoje vai ser infiel
Cuando mis manos te deshojen Quando minhas mãos lhe desfolhem
Conocerás la libertad Conhecerá a liberdade
   
Desnúdate mujer Desvista-se mulher
Y entrégame tu sed E me entregue a sua sede
Bebe mis ganas infinitas Beba minhas vontades infinitas
Robaré tu santidad Roubarei sua santidade
Amor, amor Amor, amor
   
La lluvia cae sensual A chuva cai sensual
Por tu cuerpo y el mío Por seu corpo e o meu
Resbala en sudor Escorrega em suor
De nuestra pasión De nossa paixão
   
Desnuda eres cristal Nua é cristal
Perfecta la intimidad Perfeita a intimidade
Tus pechos el manantial Seus seios a fonte
Donde me quiero ahogar Onde eu quero me afogar
Deja que tu instinto rompa en erupción Deixa que seu instinto rompa em erupção
Yo sé que tú lo deseas  Eu sei que voce o deseja
Como lo deseo yo Como o desejo eu
   
Desnúdate mujer Desvista-se mulher
Hoy vas a ser infiel Hoje vai ser infiel
Cuando mis manos te deshojen Quando minhas mãos lhe desfolhem
Conocerás la libertad Conhecerá a liberdade
   
Desnúdate mujer Desvista-se mulher
Y entrégame tu sed E me entregue a sua sede
Bebe mis ganas infinitas Beba minhas vontades infinitas
Robaré tu santidad Roubarei sua santidade
   
Porque todo ha sucedido Porque tudo aconteceu
Sin sentido y sin razón Sem sentido e sem razão
Sabes amor así es la pasión Sabe amor assim é a paixão
Tú y yo haciendo el amor Você e eu fazendo amor
   
Desnúdate mujer Desvista-se mulher
Y entrégame tu sed E me entregue a sua sede
Bebe mis ganas infinitas Beba minhas vontades infinitas
Y saciaré tu santidad E saciarei sua santidade
Amor, amor... Amor, amor...