La Vida Es Un Carnaval - Celia Cruz (Tradução da letra)

Your browser does not support video.

ESPANHOL PORTUGUÊS
Todo aquél que piense que la vida es desigual Todo aquele que pensa que a vida é desigual
Tiene que saber que no es así Deve saber que não é assim
Que la vida es una hermosura, hay que vivirla Que a vida é muito boa, tem que ser vivida
Todo aquel que piense que está solo y que está mal Todo aquele que pensa que está sozinho e que está mal
Tiene que saber que no es así Deve saber que não é assim
Que en la vida no hay nadie solo, siempre hay alguien Que na vida ninguém está sozinho, há sempre alguém
   
Ay, no hay que llorar Ah, não tem que chorar
Que la vida es un carnaval  Que a vida é um carnaval
Y es más bello vivir cantando E é melhor viver cantando
Oh oh oh ay no hay que llorar Oh oh oh ai não tem que chorar
Que la vida es un carnaval Que a vida é um carnaval
Y las penas se van cantando E as tristezas se vão cantando
Oh oh oh ay no hay que llorar Oh oh oh ai não há que chorar
Que la vida es un carnaval Que a vida é um carnaval
Y es más bello vivir cantando E é mais bonito viver cantando
Oh oh oh ay no hay que llorar Oh oh oh ai não há que chorar
Que la vida es un carnaval  Que a vida é um carnaval
y las penas se van cantando e as tristezas se vão cantando
   
Todo aquel que piense que la vida siempre es cruel Todo aquele que pensa que a vida é sempre cruel
Tiene que saber que no es así Deve saber que não é assim
Que tan solo hay momentos malos y todo pasa Que só há maus momentos e tudo passa
Todo aquel que piense que esto nunca va a cambiar Todo aquele que pensa que isto nunca vai mudar
Tiene que saber que no es así Deve saber que não é assim
Que al mal tiempo buena cara y todo cambia Que não só existem maus momentos e tudo muda
   
Ay, no hay que llorar Ai, não tem que chorar
Que la vida es un carnaval  Que a vida é um carnaval
Y es más bello vivir cantando E é melhor viver cantando
Oh oh oh ay no hay que llorar Oh oh oh ai não há que chorar
Que la vida es un carnaval Que a vida é um carnaval
Y las penas se van cantando E as tristezas se vão cantando
Oh oh oh ay no hay que llorar Oh oh oh ai não há que chorar
Que la vida es un carnaval Que a vida é um carnaval
Y es más bello vivir cantando E é melhor viver cantando
Oh oh oh ay no hay que llorar Oh oh oh ai não há que chorar
Que la vida es un carnaval  Que a vida é um carnaval
y las penas se van cantando e as tristezas se vão cantando
   
Carnaval, es para reír Carnaval, é para rir
No hay que llorar, para gozar Não há chorar, para desfrutar
Carnaval, para disfrutar Carnaval, para desfrutar
Hay que vivir cantando Tem viver cantando
Carnaval, la vida es un carnaval Carnaval, a vida é um carnaval
No hay que llorar, todos podemos cantar Não há que chorar, todos nós podemos cantar
Carnaval, ay señores Carnaval, ai senhores
Hay que vivir cantando Há que viver cantando
Carnaval, todo aquel que piense Carnaval, todo aquele que pense
Que la vida es cruel Que a vida é cruel
Carnaval, nunca estará solo Carnaval, nunca estará sozinho
Hay que vivir cantando, Dios está con él Tem que viver cantando, Deus está com ele
   
Para aquéllos que se quejan tanto Para aqueles que se queixam tanto
Para aquéllos que solo critican Para aqueles que só criticam
Para aquéllos que usan las armas Para aqueles que usam as armas
Para aquéllos que nos contaminan Para aqueles que nos contaminam
Para aquéllos que hacen la guerra Para aqueles que fazem guerra
Para aquéllos que viven pecando Para aqueles que vivem pecando
Para aquéllos que nos maltratan Para aqueles que nos maltratam
Para aquéllos que nos contagian. Para aqueles que nos contagiam.